De acordo com as primeiras informações, um ônibus da Viação União, que fazia o trajeto barrinha-centro, passou por cima do braço de um senhor que estava no local durante a parada do veículo. Ao que tudo indica, a vítima já tem idade avançada, e se chama Juca; pai do vereador Helder Cheirinho. A informação preliminar é de que a vítima havia caído enquanto ônibus saía do local de embarque.

Segundo informações do 3° Pelotão do Corpo de Bombeiros de Viçosa, o Sr. Juca foi conduzido ao Hospital São João Batista pela equipe responsável pelo socorro; e mesmo com algumas lesões no braço (nenhuma informação sobre fraturas), a vítima se encontrava bem e consciente.

De acordo com a empresa, Viação União, um gerente foi enviado ao local para verificar o fato. A empresa informou ainda, que a vítima não corre risco de vida e que a empresa vai prestar toda assistência à vítima.

Outros casos

Não é a primeira vez que ocorrem acidentes envolvendo transportes coletivos na cidade. O caso mais recente ocorreu no dia 17/11/18, quando um homem morreu após ser atropelado por um ônibus no bairro Nova Era, em Viçosa. Segundo a PM, Dilson, mais conhecido como Dilsin do Arruda, estava andando pela rua quando acabou tropeçando e caindo ao chão. Logo em seguida, vinha um ônibus que acabou passando por cima dele. Dilson foi encaminhado ao hospital em estado gravíssimo, onde não resistiu aos ferimentos e faleceu. A Polícia Cívil segue investigando o caso.

Além disso, em 2018, um adolescente de 16 anos, uma jovem de 19 e um rapaz de 25, ficaram feridos na saída de uma festa em Viçosa. O caso foi registrado pela Polícia Militar (PM) como acidente de trânsito com vítimas. Na época, a empresa negou o atropelamento e afirmou que os jovens se machucaram durante o tumulto para entrar nos ônibus.

Por: Guilherme de Carvalho Alves